Patinhos

Desenho Patinho AmareloTodos os patinhos sabem bem nadar
Sabem bem nadar
Cabeça para baixo e rabinho para o ar
Como estou com frio, da água vou sair
Da água vou sair
Depois da grande fila, pro ninho eu quero ir

Pintinho Amarelinho

Meu pintinho amarelinho
Cabe aqui na minha mão
Quando quer comer bichinhos
Com seus pezinhos
Ele cisca o chão
Ele bate as asas, ele faz piu-piu
Mas tem muito medo é do gavião

O Pobre Cego

Minha mãe acorde, de tanto dormir
Venha ver o cego, vida minha, cantar e pedir
Se ele canta e pede, dê-lhe pão e vinho
 Mande o pobre cego, vida minha, seguir seu caminho

Não quero teu pão, nem também teu vinho
Quero só que a minha vida, vida minha, me ensine o caminho
Anda mais Aninha, mais um bocadinho,
Eu sou pobre cego, vida minha, não vejo o caminho

Pombinha Branca

Pombinha branca
O que está fazendo?
Lavando a roupa
Pro casamento

Vou me lavar
Vou me secar
Vou na janela
Pra namorar

Passou um moço
De terno branco
Chapéu de lado
Seu namorado

Mandei entrar
Mandei sentar
Cuspiu no chão
Limpa aí seu porcalhão 

Peixe Vivo

Como pode o peixe vivo
Viver fora da água fria
Como pode o peixe vivo
Viver fora da água fria

Como poderei viver?
Como poderei viver?
Sem a tua, sem a tua
Sem a tua, companhia
Sem a tua, sem a tua
Sem a tua companhia

Os pastores desta aldeia
Já me fazem zombaria
Os pastores desta aldeia
Já me fazem zombaria

Por me verem assim chorando
Por me verem assim chorando
Sem a tua, sem a tua
Sem a tua companhia
Sem a tua, sem a tua
Sem a tua companhia

Pezinho

Ai bota aqui
Ai bota aqui o seu pezinho
Seu pezinho bem juntinho com o meu (BIS)

E depois não vai dizer
Que você se arrependeu! 

Pirulito que Bate-Bate

Pirulito que bate-bate
Pirulito que já bateu
Quem gosta de mim é ela
Quem gosta dela sou eu

Pirulito que bate-bate
Pirulito que já bateu
A menina que eu gostava
Não gostava como eu

Que é de Valentim

Que é de Valentim? Valentim trás trás
Que é de Valentim? É um bom rapaz
Que é de Valentim? Valentim sou eu!
Deixa a moreninha, que esse par é meu!